O relacionamento entre agência e cliente depende de muitas variáveis para se tornar bem-sucedido. É preciso que haja confiança e responsabilidade caminhando em ambas as direções. Para isso, não basta apenas um excelente fornecedor trabalhando para uma ótima empresa.

Com o objetivo de ajudar você a melhorar o convívio com seu escritório de comunicação, preparamos este guia especial que vai permitir o desenvolvimento tanto do seu negócio quanto das suas parcerias. Continue a leitura e confira!

Alinhando expectativas

O primeiro passo para o sucesso de qualquer relacionamento entre cliente e fornecedor é o alinhamento de expectativas. Por essa razão, a reunião de briefing deve ser feita sem pressa e com o maior detalhamento possível de serviços, produtos e prazos.

Se você não desenvolveu uma ata detalhada sobre o encontro com a agência, as chances de qualidade e sucesso no trabalho diminuem, podendo prejudicar não somente a sua campanha de comunicação, como também o seu orçamento.

Definindo prazos

 

 

Definir prazos representa grande parte do alinhamento de expectativas, mas merece atenção especial.

Isso porque se trata de um compromisso de mão dupla. Ou seja, você também precisa administrar o tempo de resposta aos contatos do fornecedor, para que o planejamento da ação aconteça dentro dos conformes.

Ou seja, quanto mais rápido você aprovar uma peça ou pedir qualquer alteração, maiores as possibilidades de a sua campanha, do seu negócio e do relacionamento com a agência gerarem o desenvolvimento que você busca.

Lembre-se, também, de que, quanto menos tempo você leva para retornar um contato, mais tempo a equipe terá para melhorar o trabalho.

Sabendo dizer “não”

Cada ideia apresentada pela agência é um produto que ela quer vender, assim como você procura fazer com os seus clientes. Acontece que ninguém entende melhor sobre o seu negócio que você mesmo.

Por isso, não há obrigação nenhuma de aceitar tudo que seu fornecedor propõe. Caso você não acredite no potencial da campanha apresentada ou encontre alguma divergência de conceitos ou até de orçamento, reprove sem medo.

Mas também é importante dar o direcionamento adequado para que a agência possa desenvolver uma ideia mais alinhada à sua expectativa. Um “não” gratuito não ajuda em nada.

Aprendendo a ganhar um “não”

Assim como ninguém entende melhor sobre o seu negócio que você mesmo, é importante recordar que o seu fornecedor sabe mais sobre técnicas e ferramentas de comunicação que você.

Nesse sentido, se o escritório de publicidade recusou alguma solicitação sua, há um motivo pertinente.

Dando feedback

Se alinhar expectativas é primordial no começo do relacionamento, a prestação de feedback é essencial no final de cada trabalho desenvolvido.

Isso permite à agência uma avaliação de sua própria performance e consiga prestar atenção nos pontos a melhorar na próxima tarefa.

Sem esse tipo de relatório ou reunião de encerramento de campanha, seu fornecedor fica sem saber como oferecer um produto cada vez melhor, o que diminui as chances de continuidade na parceria.

Perceba que, no final das contas, a chave para o sucesso no relacionamento entre agência e cliente está na reciprocidade.

Deixe de lado qualquer sensação de hierarquia vertical e trabalhe lado a lado com seu parceiro. Assim, o crescimento acontece para todos os envolvidos.

Ainda não escolheu sua agência? Entre em contato com a Gruv e dê início em uma parceria de sucesso!