Todo empreendedor de sucesso precisa estar atento às transformações da sociedade e tendências do mercado. Por isso, se você quer construir uma marca diferenciada, não pode deixar de acompanhar a Pantone 2018 e sua nova cor para o próximo ano.

A Pantone é uma empresa estabelecida em New Jersey, nos Estados Unidos, que desenvolve um sistema próprio de criação de cores — a Escala Pantone —, utilizado principalmente pela indústria gráfica. Anualmente, a marca dita a cor do ano, que servirá como referência para todo o mercado, principalmente, a indústria da moda, decoração, design e áreas da comunicação.

Como se vê, a Pantone exerce grande influência com suas cores, sendo capaz de impactar, inclusive, as ações das empresas. Por isso, neste artigo, você vai saber como a cor da Pantone 2018 — a ultra violet — pode influenciar o seu negócio.

Para não ficar de fora dessa tendência, entenda a seguir sua importância!

A importância da cor Pantone 2018

A ultravioleta foi definida como a cor oficial da pantone 2018, simbolizando o comportamento da sociedade e os aspectos culturais de nossa época.Segundo a empresa essa cor transmite a ideia de originalidade, engenhosidade e pensamento visionário.

Remetendo ao céu noturno, a ultravioleta traz a ideia de futuro, dos mistérios do universo, das descobertas vindouras. Com isso, a sensação que nos causa é de que há muito a explorar, incitando o desejo de percorrer caminhos ainda desconhecidos.

Baseada, também, em artistas da cultura pop — como Prince, Jimi Hendrix e David Bowie, associados a tonalidades de roxo que simbolizavam a individualidade desses músicos —, a escolha da Pantone pelo ultravioleta transmite uma ideia de não convencionalidade e de irreverência.

O Impacto dessa escolha nas empresas

Para as empresas, a cor do ano anunciada pela Pantone é uma importante ferramenta nas estratégias de negócio, uma vez que contribui para atrair o público, impulsionar as vendas e dar destaque para a marca.

No mercado, o impacto dessa decisão é tão grande que as empresas acabam por explorar a cor em diversas áreas  como design gráfico, moda, design de produto e design de interface. Confira alguns exemplos de como as empresas exploram essa tendência.

A própria pantone, em sequência ao lançamento da cor, publicou uma página com algumas ferramentas para designers utilizarem o ultraviolet. Lá você também pode conferir alguns dos produtos de empresas parceiras que já utilizam a ultra violet da pantone 2018.

Imagem: www.pantone.com/color-of-the-year-2018

Pantone 2018: ferramentas para designers gráficos

 

Design Gráfico

O uso da cor é um recurso poderoso para o designer gráfico, que pode influenciar fortemente o mercado. Seja em revistas, cartazes, cartão de visita, anúncios ou outro projeto da área, as empresas podem explorar a cor do ano criando paletas poderosas que incluam a ultravioleta.

Nas ações de marketing, por exemplo, a cor é capaz de influenciar a decisão de compra do consumidor. Assim, é possível trabalhar o ultravioleta nas campanhas, ações promocionais e catálogos, para atrair a atenção do público, inserindo a nova cor nos fundos, em objetos ou em alguns elementos da composição.

Dessa forma, é possível incorporar a cor à sua marca, sem mexer na identidade visual. Nesse sentido, também é possível explorar a cor nas redes sociais, em imagens com filtros em tons de violeta, gerando engajamento e influenciando o público.

Se você ainda tem dúvidas de como essa cor afeta profundamente o mercado, saiba que a #ultraviolet no instagram ultrapassa 250 mil publicações em pouco mais de um mês de seu anúncio.

Moda

Na moda, seja nos desfiles ou nas ruas, as cores estão profundamente ligadas às nossas emoções. Assim, os estilistas podem explorar de várias formas o tom púrpuro do ultra violet, que dá um toque de teatralidade tanto para os estilos masculinos quanto femininos.

Combinada com outras cores, como a cor dourada ou de outros metais, a ultravioleta passa a ideia de luxo. Já com verde ou cinza, a cor do ano sugere elegância.

Juntamente com as cores, a indústria da moda ainda pode explorar diferentes tecidos e materiais para criar resultados específicos. Um veludo ultravioleta, por exemplo, inspira os mistérios da noite. Nos esportes, por sua vez, a cor dá um aspecto mais moderno.

Para demonstrar as possibilidades, as meninas do site “garotas estúpidas” criaram um guia de look incrível baseado na cor da pantone 2018, com mais de 40 ideias, que gostaríamos de compartilhar com vocês.

Design de Produto

Quando o consumidor está diante de um produto, o aspecto visual é o primeiro elemento que o afetará de alguma forma. E, nesse sentido, as cores têm grande poder na reação do público. Só de pensar na Coca-Cola, por exemplo, certamente o vermelho vem à nossa mente, não é verdade?

Pensando nisso, pode-se dizer que as embalagens são grandes responsáveis por vender um produto. Além da criação e desenvolvimento dos próprios objetos de consumo, o designer dessa área pode explorar a cor em embalagens e rótulos.

Os tons de roxo são muito utilizados, por exemplo, em produtos de cosméticos, beleza e perfumaria, já que é uma cor associada à modernidade e sofisticação, como é o caso da Quem Disse Berenice. Empresas de tênis como a Nike e a de óculos Ray Ban também tem utilizado a cor na produção dos seus produtos. Confira alguns deles.

Imagens: Nike, Ray Ban e Quem Disse Berenice

Design de Interface

As cores também têm poder no design de interface e têm papel fundamental na criação de layouts atraentes, funcionais e agradáveis.

Com uma boa criação de paletas e com o uso de contrastes estratégicos de cores, o designer de interface pode explorar a tendência da Pantone no layout, nas fontes, em ícones e menus. O uso estratégico das cores é capaz de chamar a atenção do usuário e de proporcionar a ele uma boa experiência do sistema.

Assim, as cores podem ser grandes aliadas para que uma interface seja melhor projetada, facilitando as ações do usuário. Um botão de call-to-action em um site, por exemplo, pode ser muito mais eficaz se feito com a cor correta e que chame a atenção do usuário para a tomada da melhor decisão.

Acompanhar ou não acompanhar, eis a questão?

Acompanhar a cor do ano mostra que sua empresa se preocupa em manter-se atualizada, que está aberta às mudanças e por dentro das novidades. Tudo isso traz resultados positivos para a empresa, que ganha um diferencial competitivo.

Por isso, é altamente recomendável acompanhar essa tendência. Se usada de forma inteligente e estratégica, como demonstrado acima, os resultados podem ser extremamente relevantes para a sua marca, influenciando o desejo do consumidor e definindo sua decisão de compra.

Usando as cores corretas e fazendo combinações poderosas entre elas, o seu produto ou sua marca podem se destacar. E o contrário também procede: uma cor errada pode causar incômodo ou desistência, arruinando a possibilidade de compra.

Para um empreendedor que deseja liderar uma empresa diferenciada no mercado, apostar na inovação é obrigatório nos dias de hoje. E aí o que você achou da cor da pantone 2018?

Quer se manter sempre atualizado nas tendências do mercado? Então, assine a newsletter e receba nosso conteúdo exclusivo!