A maior vantagem de se trabalhar com Inbound é: TUDO pode ser mensurado. É um privilégio e de suma importância ter a possibilidade de verificar o andamento de campanhas full time. Isso, só é possível, com as métricas do Inbound Marketing! 

Existem diversas ferramentas que podem nos ajudar com a metrificação e automação das campanhas de Inbound Marketing como a HubSpot, RD Station e o Google Analytics, por exemplo.

Porém, existe um desafio, estabelecer as métricas mais relevantes para uma análise holística e profunda sobre todo o projeto em questão. Isso é importante, pois você consegue adaptar estratégias que não estão boas ou investir naquelas que estão performando melhor que o esperado.

Algumas das métricas mais comuns do Inbound são: saber quem abriu um e-mail, quem visitou sua página, cliques em links, descadastros, entre outras. 

Existem outras métricas? 

Sim! E tão importantes quanto. Vamos falar delas logo abaixo, então, aproveite a leitura! 

Taxa de conversão

Aqui é onde analisamos o quanto as pessoas que visitam nossas páginas convertem. Seja para fazer download de materiais, cadastrar-se em uma newsletter ou até mesmo para solicitar contato com um consultor. 

Os principais exemplos de onde devemos utilizar a taxa de conversão como um KPI (indicador chave de performance) para a análise de desempenho são: 

  • Landing Pages;
  • E-mail Marketing; 
  • Redes sociais;
  • E-commerce.

Com essa análise, além de perceber o desempenho, você pode visualizar formas melhores de impulsionar as estratégias para aumentar a conversão dos leads. Por exemplo, se a taxa de conversão de um e-mail não está boa, será que ele não está muito grande e pouco atrativo? Botões nos locais inadequados? Design? Agora é a hora de otimizar!

Para encontrar a taxa de conversão você deve pegar o número de vistas, ou, no caso de e-mail, de aberturas e dividir pelo número de conversões ou cliques.

Custo por Lead

Essa métrica mede o valor que cada lead está custando, dentre todas as fontes de receita e tráfego das campanhas em Inbound Marketing.

Para chegar ao valor, use a fórmula: 

CPL = todos os custos / Leads gerados

Essa métrica é extremamente importante, afinal, o ideal é que o custo seja o mais baixo possível para um bom ROI. 

E… O que é ROI?

ROI (Return Of Investiment) 

O ROI possibilita que você faça uma avaliação financeira realista do desempenho de suas campanhas, individualmente, ou em todo o projeto de Inbound Marketing. 

O cálculo de ROI é simples e para realizá-lo basta seguir esta básica equação: 

ROI = valor gasto – valor investido / valor investido. O resultado dessa equação, deve ser multiplicado por 100, para que você obtenha o valor percentual. 

Caso o ROI seja 0 ou negativo, você precisa rever urgentemente a sua estratégia. 

Funil de Vendas

Todos nós que trabalhamos com marketing conhecemos e amamos (algumas vezes) o funil de vendas. Aqui, é o lugar onde medimos todos os nossos esforços em Inbound, afinal, todas as estratégias são elaboradas com um único propósito: gerar vendas.

O topo do funil consiste no número conversões que nossas páginas (landing pages) recebeu na fase inicial, ou seja, são conteúdos mais abrangentes. É a fase de atração do lead. 

Chegando  na próxima fase, a consideração, temos novas conversões, agora mais qualificadas e com a junção de dados mais preciosos e importantes para conhecer melhor o perfil de cada lead. Esse é o meio do funil. 

No fundo do funil, temos os leads que já entendem o nosso produto como uma solução e por possuírem um perfil de acordo com o esperado, se tornam oportunidades. As estrelas douradas que a gente ama e que serão enviadas para a equipe comercial!

Esse momento é legal para que possamos perceber:

  • Em que momento o desempenho baixou? 
  • Por que tenho muitas visitas e poucas conversões?
  • O problema está nas CTA’s? 
  • Por que tenho muitas conversões e poucas oportunidades?
  • Vamos trabalhar lead scoring de que forma? 
  • Como estão os campos dos formulários?
  • Muitas oportunidades e poucas vendas? 

Que tal um bate-papo de alinhamento com a equipe comercial? 

Isso é crucial para o sucesso da sua estratégia, e consequentemente, do seu negócio. Por isso, tome nota das métricas e comece a analisar todo o seu processo de Inbound Marketing. 

Quanto mais assíduo for o acompanhamento, mais você otimiza, mais você converte e mais você vende. Não se esqueça disso. E nem do pós-venda, que é a fidelização. O ideal, na verdade, é ter um time com expertise dedicada a isso, uma agência de Inbound Marketing

Ficou alguma dúvida? Fale com um gruver